Microsoft limita uso do Bing com ChatGPT após reclamações

__bing

A Microsoft resolveu limitar o uso do Bing turbinado com a inteligência artificial (IA) do ChatGPT após uma semana de uso. A medida foi anunciada depois de inúmeros relatos de comportamentos inadequados do motor de busca, em que o mecanismo de busca insultou usuários, mentiu para eles e manipulou emoções.

De acordo com a Big Tech, as sessões de chat muito longas podem confundir o modelo de chat do Bing. Por isso, foram implementadas mudanças para limitar as sessões de chat a 5 turnos por sessão e 50 turnos por dia. Um turno é uma troca de conversa que envolve uma pergunta do usuário e uma resposta do Bing.

A maioria das pessoas encontra as respostas dentro de 5 turnos e apenas cerca de 1% das conversas têm mais de 50 mensagens, segundo a empresa. Quando a sessão de chat atingir 5 turnos, o usuário será convidado a iniciar um novo tópico. Ao final de cada sessão, o contexto será apagado para evitar confusão do modelo.

Atualização da tecnologia

Equipe do motor de busca da Microsoft aposta no ChatGPT para superar predominância do Google na internet. (Fonte: Robert Scoble/Flickr/Reprodução)Equipe do motor de busca da Microsoft aposta no ChatGPT para superar predominância do Google na internet. (Fonte: Robert Scoble/Flickr/Reprodução)Fonte:  Robert Scoble/Flickr/Reprodução 

Após reconhecer os problemas com seu chatbot, especialmente em longas sessões de conversa e em respostas que refletiam o tom do usuário, a Microsoft anunciou melhorias nas buscas, na habilidade de conversação e correções de bugs para tornar a interação mais precisa e personalizada às necessidades dos usuários.

Segundo comunicado da empresa, o modelo tenta refletir a resposta o tom em que está sendo perguntado, o que pode levar a um estilo inesperado no conteúdo gerado. “A maioria de vocês não o encontrará, mas estamos procurando maneiras de dar a vocês um controle mais refinado”, escreveu a Microsoft.

A equipe do Bing está trabalhando para disponibilizar a ferramenta para o iOS e Android. A empresa também está procurando feedback para elaborar recursos para reservar voos, enviar e-mails e compartilhar pesquisas e respostas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *